A importância dos cosméticos orgânicos e naturais

Muito se fala da importância de se consumir alimentos orgânicos e naturais, por conter menos substâncias metais pesadas e nocivas para nosso corpo, nosso templo, além de diminuir os perigos de intoxicação.

Usamos sabonetes, cremes, maquiagens e produtos de beleza sem saber que estamos nos intoxicando. A pele representa o maior órgão do nosso corpo e, pasmem, 90% do que é colocado sobre ela é absorvido em apenas 26 segundos. Diante disso, acredita-se que sob o mantra “use na sua pele somente o que você comeria”, o próximo “despertar” em termos de prevenção de doenças e maximização da saúde, é justamente no cuidado com os produtos de pele.

O escritor de best-sellers do NY Times, Deirdre Imus, observa: “mais de 10.500 ingredientes são usados ​​em produtos de cuidados pessoais e apenas 11% deles foram revisados ​​por segurança. Isso significa que não temos ideia se quase 90% do que colocamos em nosso corpo é tóxico ou não.

O site skindeep.com listou substâncias nocivas para a saúde que frequentemente são encontradas nos produtos básicos de cuidados com a pele e cabelos. São eles:

Parabeno: substâncias químicas perturbadoras do hormônio (estrogênico) encontradas em shampoos, hidratantes, condicionadores, bases, loção para bebês, etc. Eles podem alterar os níveis hormonais que causam “dominância estrogênica”, possivelmente prejudicar a fertilidade e potencialmente aumentar o risco de certos tipos de câncer.

Óleo Mineral: subproduto da indústria de petróleo (pode ser listado como parafina, tolueno ou xileno). Ele está contido em muitos produtos de cuidados da pele, incluindo shampoos e sabonetes. Uma vez que a pele é o maior órgão eliminador (o que significa que ajuda os seus rins, fígado e intestinos a eliminar toxinas), você quer que a pele seja capaz de “respirar”. O óleo mineral “entope a pele impedindo a liberação de toxinas.

Ftalatos: (listados como ftalato de dibutila ou DBP, ftalato de dietila). Usado como solventes e plastificantes. Estudos mostraram que esses produtos químicos podem induzir defeitos congênitos, baixa contagem de espermatozóides e outros problemas reprodutivos em animais.

Um estudo mostrou níveis elevados em meninas com puberdade precoce (desenvolvimento de mamas antes dos 8 anos) e outro apresentou taxas mais altas de anormalidades genitais masculinas, lesões hepáticas e renais e maior incidência de asma e alergias na infância. Os ftalatos foram proibidos pela União Europeia, mas continuam a ser usados ​​em muitos produtos em outros países.

Chumbo: neurotoxina potente encontrada em marcas populares de batons e kits de coloração para cabelos masculinos.

Mercúrio: depois do urânio, o mercúrio é uma das substâncias mais tóxicas do planeta! É uma neurotoxina frequentemente listada como “timerosal” ainda usado em alguns cosméticos, rímel e certas vacinas.

Formaldeído: agente cancerígeno, comumente usado como endurecedor em esmaltes e frequentemente encontrado em produtos de banho.

Nanopartículas: encontrados em loções, maquiagens e especialmente protetores solares, esses ingredientes não testados são tão pequenos que muitos cientistas estão muito preocupados com seus efeitos potenciais à saúde, pois podem penetrar nas paredes das células e são altamente reativos. Embora os riscos sejam em grande parte desconhecidos, os consumidores preocupados estão verificando se os produtos contêm essas substâncias em NanotechProject.org ou CosmeticDatabase.org.

Tricolosan: principal ingrediente em sabonetes antibacterianos. Também tem propriedades de desregulação hormonal e tem sido associado ao surgimento de “super bugs” resistentes (que não respondem à terapia com antibióticos e causam MRSA e outras infecções bacterianas não tratáveis).

Com um pouco de pesquisa você pode encontrar produtos feitos com responsabilidade para ajudá-lo a manter um corpo limpo e a ter um estilo de vida saudável.

Veja características que devem ser encontradas nos produtos para cuidados com a pele: livre de substâncias químicas nocivas, irritantes ou conservantes; não alergênico; cuidadosamente formulado com todos os ingredientes naturais e orgânicos; livre de OGM; nunca testado em animais; e vegan.

O mercado dos cosméticos naturais e orgânicos está em plena ascensão, de modo que hoje, com tantos produtos de qualidade, é possível escolher a melhor opção para cada caso específico.

Sua pele e sua saúde agradecem.

metropolis.com

No Comments

Post a Comment