planet_plastic

Planeta ou plástico: ONU Meio Ambiente, National Geographic e Abstartups debatem lixo nos oceanos

No Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho), a ONU Meio Ambiente convida a National Geographic para debater o problema do plástico que toma conta do planeta. O diálogo será recebido pelo Comitê Cleantech da Abstartups, no auditório do Cubo Itaú, espaço de coworking do Itaú, em São Paulo, a partir das 18:30. Evento é aberto ao público e a participação é gratuita.

Ao divulgar a capa da edição de junho, a revista National Geographic causou grande reação nas redes sociais, trazendo a impactante imagem de uma sacola plástica em formato de iceberg seguida da informação de que “8 milhões de toneladas de plástico chegam até os oceanos todos os anos – e isso é só a ponta do iceberg”. A revista chega às bancas em meio às celebrações do Dia Mundial do Meio Ambiente, que, esse ano, tem como tema a poluição plástica.

Para a ONU Meio Ambiente, ter o tema abordado por uma renomada publicação como a National Geographic demonstra que o problema está cada vez mais presente na agenda global. Segundo Denise Hamú, representante da ONU Meio Ambiente no Brasil, “a poluição plástica é um dos maiores desafios ambientais do nosso tempo”.

“Ela afeta não só o meio ambiente como a saúde das pessoas. Precisamos ter uma mudança de comportamento e visão para enfrentar esse problema o mais rápido possível”, afirma.

As ações em torno do Dia Mundial do Meio Ambiente este ano querem alertar a população mundial e instigar discussões sobre possíveis soluções. O evento “Planeta ou Plástico?” contará com apresentações de Fernanda Daltro, gerente de campanhas da ONU Meio Ambiente, que irá falar sobre a campanha Mares Limpos, e da enviada especial da National Geographic, Paulina Chamorro, compartilhando os dados e descobertas da edição internacional.

Em seguida, as palestrantes receberão convidados para falar de soluções: o vereador Reginaldo Trípoli, autor do projeto de lei para o banimento de canudos na capital paulista, Paulo Pompílio, vice-presidente da Associação Paulista de Supermercados, que falará da redução no consumo de sacolas plásticas na cidade, Fernando Eccaplan, da consultoria ambiental Eccaplan, que irá falar sobre as cooperativas e práticas de hotéis e shoppings para reduzir os resíduos, e um representante da startup Oka, que produz embalagens feitas de amido.

O evento é aberto ao público e a participação é gratuita, mas o número de vagas é limitado.

Inscreva-se

Programação:

18h30 – 19h: recepção dos participantes
19h: Fernanda Daltro, gerente de campanhas da ONU Meio Ambiente, com a palestra “Mares Limpos”
19:20: Paulina Chamorro, enviada da National Geographic, com a palestra “Planeta ou plástico”
19:40: Mesa redonda com palestrantes, Vereador Reginaldo Trípoli, autor do projeto de lei de banimento de canudos, Paulo Pompílio, vice-presidente da Associação Paulista dos Supermercados, Fernando Eccaplan, da consultoria ambiental Eccaplan, e Oka Bioembalagens.
Serviço
Local: CUBO Itaú – 919, R. Casa do Ator – Vila Olímpia, São Paulo
Horário: 18:30-21h

Sobre o Dia Mundial do Meio Ambiente

Desde que foi instituído, em 1974, o Dia Mundial do Meio Ambiente se tornou uma plataforma global para a conscientização pública sobre questões ambientais. É um dia para se fazer algo positivo para o meio ambiente. Há diversas formas de pessoas, escolas, empresas e governos celebrarem o Dia Mundial do Meio Ambiente.

Sobre a ONU Meio Ambiente

A ONU Meio Ambiente é a principal voz global em temas ambientais. Ela promove liderança e encoraja parcerias para cuidar do meio ambiente, inspirando, informando e capacitando nações e pessoas a melhorarem a sua qualidade de vida sem comprometer a das futuras gerações. A ONU Meio Ambiente trabalha com governos, com o setor privado, com a sociedade civil e com outras instituições das Nações Unidas e organizações internacionais pelo mundo.

Descubra mais em http://unep.org/americalatinacaribe/br.

Imprensa:
comunicacao@pnuma.org
(61) 3038-9237

ONUBR